Google+ Followers

Pesquisar neste blog

quinta-feira, 15 de julho de 2010

A sociedade pode só encontrar paz em 2012, dizem os astros

Acredito que este seja um momento em que devemos parar, refletir e olhar para tudo o que tem acontecido em nossa volta. É hora de parar de fingir que não temos nada a ver com tudo o que tem acontecido em nosso entorno. Tudo o que existe no Universo está interligado num imenso campo de energia, portanto, estamos todos inseridos num mesmo contexto.

Temos vivido e sofrido na pele o resultado de uma sociedade na qual as emoções, especialmente as que pertencem ao outro, são desvalorizadas. A vida humana cada vez mais banalizada, maus tratos, ganância, indiferença, falta de escrúpulos, inconsequências... temos vivido e sofrido na pele o resultado de uma sociedade na qual as emoções são ignoradas descaradamente.

Não falo somente dos crimes hediondos que temos visto um atrás do outro, falo do comportamento de todos nós. Sempre é mais fácil apontar o dedo para o vizinho, o namorado, o filho, o chefe, o marido ou a esposa. Mas acredito que está mais do que na hora de olharmos para nossas atitudes, as frustrações que nos levam a falhar com os outros, nossas necessidades que nos levam ao egoísmo e nossa capacidade de passar por cima seja do que e de quem for para chegar aonde desejamos.

A sociedade é feita de indivíduos, que somos todos nós. Nos colocar como não colaboradores do resultado que alcançamos é se isentar da responsabilidade, é não responder às nossas faltas e nos colocarmos no papel de vítimas, atitude própria da Era passada. Nesta fase onde o céu cobra e cobra sem piedade, devemos nos conscientizar dos sinais que ele envia todos os dias a todos nós.

Nos últimos 15 anos, com certo agravamento nos últimos três, tenho visto virginianos, piscianos, sagitarianos e geminianos sofrerem toda sorte de mudanças e perdas, carregadas de imensa dor e confusão, como se o chão fosse tirado de seus pés. Agora tudo começa um novo movimento e outros signos serão cobrados. O céu tem exigido posturas decisivas na direção da recuperação de valores humanos mais amplos, que envolvam o bem estar de todos nós, e não somente de um grupo especifico.


Já há algum tempo vemos no céu um tenso desenho envolvendo Saturno, Urano, Júpiter, Plutão e um dos planetas pessoais, como o Sol, a Lua, Vênus, Marte ou Mercúrio. A cada mês esse desenho se repete insistindo duramente na dor, para que a cada crise vivida por nós um pedaço maior de consciência seja expandido. E é exatamente isso que está acontecendo.

Para os apocalípticos, os que não vêem mais esperança em suas vidas, ou que preferem deixar a solução dos problemas nas mãos de Deus, é melhor mesmo acreditar que o mundo vai sucumbir. No entanto, o que o Universo nos pede, assim como pediu Buda, Jesus Cristo e muitos homens de verdadeira Luz que passaram pelo nosso planeta, é que acordemos.

O próximo passo que devemos dar, e é por isso que estamos todos sendo "convocados" para isso através do sofrimento, é em direção à espiritualidade. Esse é o próximo portal que se abrirá bem diante dos nossos olhos. No meu parecer como astróloga, 2012 é sim um ano importante no qual um longo ciclo chega ao fim, um ciclo que já agoniza há mais de 50 anos. Passamos todos por um longo processo de dor e crise que se agravou nos últimos 18 anos e que se fechará certamente em 2012.


Segundo os ensinamentos da Nova Era, os ensinamentos de muitos mentores espirituais que estiveram e estão presentes na vida de todos nós, começamos em 1992 a viver um duro processo no planeta no qual a dor emocional se agravou - e isso nos foi avisado que aconteceria. Seriam 20 anos de trevas.

E seu final marcará o início de um novo tempo, onde a consciência passará por uma profunda e definitiva mudança. Esse ano é exatamente 2012. A partir desse ano, as tensas quadraturas astrológicas deixam de existir.

Coincidência? Todos sabemos que elas não existem. E porque acharíamos que nós, que ainda engatinhamos em nosso processo evolutivo, sucumbiríamos? Do que vale os ensinamentos de todos os grandes homens que viveram entre nós para nos ajudar nesse processo? Não existe nenhuma lógica na teoria do final do mundo.

Final sim, de um tempo, de um ciclo, e início de um outro mais pleno, mais fraternal e solidário, no qual a voz de nossas consciências falará mais alto. Esse sim é o nosso destino.


Eunice Ferrari



Especial para Terra - GazetaWeb

5 comentários:

  1. NOS TEMOS QUE DIMINUIR A MENTIRA HUMANA NO PLANETA TERRA,

    MSN,adriofreire@hotmail.com

    ResponderExcluir
  2. Que a energia do cosmos nos ilumine, para que assim possamos relembrar nossas verdadeiras origens e nossa verdadeira natureza!! Que a paz e a luz estejam conosco..

    ResponderExcluir
  3. logico queé muito mais facil acreditar que as coisas vao melhorar do que aceitar o lamentavel fim que a humanidade tera, mesmo que nao seja em 2012

    ResponderExcluir
  4. pode até não ser o fim porque a biblia diz que nem os anjos sabem a hora do fim mas somente Deus.mas tudo nos mostra que esta, cumprindo as profecias biblicas,que diz, haveria peste,fome,guerras e terremotos em varios lugares.e o fim vem diz o senhor.prepara a sua alma para encontrar com jesus.

    ResponderExcluir
  5. Gostaria que se possível vissem o programa Transição Planetária pelo médium André Luiz Ruiz e tirassem as suas próprias conclusões, não creio que seja o fim do mundo mais com certeza algo esta acontecendo pois os sinais estão muito fortes a começar pelo tempo que esta passando rapidamente é como se o final da areia estivesse passando pela ampulheta para que tenhamos que ser mais rápidos principalmente no que tange a sermos melhores uns para os outros.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Vídeos

Loading...